02 junho 2008

Travessia Cabo da Roca – Alcains 23 a 25 MAIO 08 - 360 kms





















“Quando tudo o resto falha, leia as instruções”


Desta vez, olhando os estragos de material, a motivação para esta travessia parece ser:
“Vou trocar de componentes, mas antes, vou andar à chuva e na lama até o gastar.”
Dos 7 gurus que compunham o grupo, uns conseguiram trocar o conjunto de pastilhas de travão enquanto 2 apertaram ferro contra ferro durante muito tempo.
A Filomena sem drop-out e com o desviador partido, o Pepe sem prato do meio, o Bolacha sem caixa de direcção e eu sem bateria no ciclómetro, acreditávamos no trunfo que é a capacidade de improvisação do homem português. Com a margarina a servir de lubrificação e “all our problems seems so far away”.
A seguir à tempestade, vem Alcains. O colossal manjar em casa do Did é a nota dominante deste percurso que supera o guia michelin. 5*

2 comentários:

Hugo Jorge disse...

O Presidente da Associação Nacional de Revendedores de Combustíveis recomenda a compra de uma bicicleta. Leia mais

Saiba como utilizar a bicicleta na cidade:

Blog Bicicleta na Cidade de Lisboa
http://bicicletanacidade.blogspot.com/

100 Dias de Bicicleta em Lisboa
http://100diasdebicicletaemlisboa.blogspot.com/

Did disse...

O resumo desta Odisseia está brutal.

Foi espectacular ter a vossa companhia nesta Travessia.

Onde realmente o espírito de grupo foi a palavra-chave para conseguirmos chegar a Alcains.