21 junho 2009

Shama_Lebanon - 6meses





“Sinto-me nascido a cada momento, para a eterna novidade do Mundo”


Aproximadamente 20.000.000 de moscas, 100.000 escorpiões, 4.000.000 Libaneses e 141 militares portugueses.

Líbano, apesar da volatilidade deste país, não deixa de ser Terra Santa inundada de energia, actividade e história. Para uns, significa perigo, para outros, liberdade.
Tirando os – lindos – cenários que avisto todos os dias às 05h00 da manhã com o raiar do sol, tudo o que vi até agora foi separado por um vidro.
Como em todos os países, este também é feito de pessoas e em qualquer parte do planeta, o ser humano é bom, generoso e prefere o bem.
As sucessivas aprendizagens de arábe e os contactos – possíveis e limitados - com a população local, comprovam o axioma.
Não obstante a rotina vivida num “condomínio fechado” instalado sob uma plataforma instável cujo movimento circundante nos faz sentir vivos, a minha mente criativa continua a viajar.
É impressionante como a vida muda num abrir e fechar de páginas. Tudo pode passar de um simples relato ou mesmo uma pequena referência escrita algures num post-it. É assim que começo a viajar. Muito antes de começar a sonhar...
Depois da leitura de “Alma de Viajante” e dos sucessivos encontros e cruzamentos com as histórias dos mesmos locais distantes, eis que, surge o desejo de conhecer as estepes da Mongólia, o lago Baikal, a muralha da China, Angkor no Camboja. Enfim...
Os dias são mesmo demasiado curtos para todos os sonhos que quero viver, todos os livros que quero ler e todas as viagens que quero fazer para conhecer uma parte do mundo onde habito. Urge ver como é o resto do mundo para melhor compreender este em que vivo.

5 comentários:

J09 disse...

Vais ver que passa num instante, desde que não deixes de sonhar.

Carlos Borralheira disse...

Amigo..Espero que esteja tudo bem contigo.
Conto com o teu regresso para mais umas pedaladas. Estou a preparar uma rota digna de sua Exa.

Ricky Rock disse...

Fazer por viver e sentir a vida é bem melhor do que estar sentado a vê-la passar. Nesse sentido és um exemplo para todos Nós.

INCHAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!

Anónimo disse...

Boas Ricky...

conheço bem essas paisagens! cheguei a Portugal à 2 meses!!

Abraço e BSorte!!!

Raptor

Visita:
www.ocedro.blogspot.com
www.papaleguas-alcains.blogspot.com

Espanhol disse...

Grande Ricardo.

Não tarda nada estás a pedalar daí para fora com apoio de reforços.
Só para te mandar um Abraço e boas pedaladas.
Hugo Velez